Lóios 19

      Lisboa é uma cidade que tem experienciado uma série de mudanças ao longo dos séculos. Com mais de 700 anos de história, a cidade tem vindo a construir-se sobre si própria, camada a camada, onde vão permanecendo histórias de elementos passados. Através da arquitectura podemos recuperar memórias, dando-lhes um novo propósito, num novo mundo cosmopolita e contemporâneo.
      Situado no berço da cidade, o apartamento de Lóios 19, possuia as suas camadas histórias, camufladas por uma série de adaptações ao longo dos tempos. De modo a reflectir a maturidade e a sensibilidade do lugar, os elementos naturais e históricos foram esculpidos e enfatizados, criando assim um lugar com marcas de história. Os espaços deste apartamento são unidos por um corredor. Em obra, é possível recuperar uma característica única deste tipo de construção história Pombalina, a Cruz de Santo André. Elemento estrutural e tão marcante da arquitectura Portuguesa, permite criar uma fluidez e permeabilidade no espaço. O espaço social encontra-se unido e aberto, aproveitando a capacidade da iluminação natural, que torna o espaço convidativo. Os materiais, madeiras, pedra e mosaico hidráulico, foram seleccionados de modo a criar uma ligação entre o vernacular e o contemporâneo.

  • Localização

    Lisboa, Portugal

  • Área

    66.00 m2

  • Serviços

    Arquitectura, Arquitectura Interiores, Engenharia, Gestão de Obra